Seis Dicas Para Iniciar Um E-commerce De Sucesso

O mercado de vendas on-line não está apenas para os grandes varejistas. Para iniciar um e-commerce de sucesso, os empreendedores iniciantes podem ter resultados até mesmo no início de seu projeto.

 

Basta ter conhecimento do seu segmento, oferecer novidades e ter um e-commerce de qualidade. Conteúdos relevantes, um site com boa usabilidade, ofertas que ninguém mais oferece, um bom planejamento e plano de ação.

 

Parece difícil, mas não é. Iniciar um e-commerce exige na verdade muito esforço e dedicação.E, neste caso, algumas dicas podem fazer a diferença.

 

Conheça 6 dicas incríveis que fazem toda a diferença na hora de iniciar um e-commerce de sucesso.

 

1-Planejamento do e-commerce

 

Não basta apenas criar um site, expor os seus produtos e esperar que o público chegue até você. A sua loja virtual não se venderá sozinha.

 

É preciso ter um planejamento bem estruturado antes mesmo de construir o seu site, com metas em médio, curto e longo prazos, plano de contingências, orçamento bem definido e tudo mais.

 

A dica é começar por definir o seu público, o nicho em que vai atuar. Fica mais fácil desta forma ajustar o cronograma. Conhecer a concorrência também é muito importante, assim como a sazonalidade do mercado.

 

2-Definir os produtos ou serviços

 

Não adianta você querer vender um produto ou serviço que não conhece muito bem. Saiba exatamente TUDO sobre os produtos que irá vender em seu e-commerce.

 

E faça o seu cliente saber também, através de textos descritivos, vídeos com tutoriais e tudo mais. Se o seu negócio está começando, a informação ao cliente pode ser um diferencial, já que muitas vezes as grandes lojas de varejo on-line pecam neste quesito.

 

3-A melhor plataforma para o seu negócio on-line

 

Há muitas opções de plataformas onde você pode criar o seu  e-commerce. Os planos são os mais variados e cabem em todos os orçamentos.

 

É ideal desde já que você tenha em mente como será a sua loja daqui a 3 anos , por exemplo. Porque ela vai crescer e a plataforma precisa comportar o seu desenvolvimento.

 

Desta forma, as plataformas gratuitas não são uma opção válida. A não ser que você queira mesmo uma loja virtual pequena e com poucos recursos de gerenciamento, bem simples.

 

Se puder, invista em uma plataforma com boa capacidade, ótimas possibilidades de customização e gerenciamento de resultados, com planos que podem ser adquiridos gradativamente, e recursos de download das informações, caso queira deixar a plataforma.

 

4-Meios de pagamento

 

Esta é uma parte fundamental na montagem de um  e-commerce. A escolha do método de pagamento ideal tem a ver com o tipo de negócio e o tamanho de sua loja virtual.

 

Se você está iniciando, os intermediadores de pagamento e gateways são bem interessantes – PagSeguro, BCash, MoiP, etc. Neles, você paga uma taxa ou participação nas vendas, mas terá ótimas vantagens, como quase todos os cartões de crédito e boletos.

 

5-Logística

 

Entregar o produto ao cliente com segurança e baixos custos é fundamental. Caso haja problemas na entrega, talvez o seu cliente jamais faça negócios com você – mesmo que a culpa não seja da sua empresa.

 

Avalie bem os seus parceiros logísticos. Em geral, escolhe-se a empresa de transporte pela cobertura nacional, pelo tamanho e peso da mercadoria e por outras facilidades – cada um tem os seus planos e condições. Cabe a você pesquisar.

 

6-Relacionamento com o cliente

 

Mantenha a sua empresa sempre disponível ao cliente – seja nas redes sociais, em uma linha de telefone exclusiva, por e-mail, chat, entre outros meios comunicativos. Em todas as fases do processo, seja paciente e aprenda com os clientes sobre quais são as suas expectativas. Não basta apenas comprar. O cliente quer ter uma boa experiência – lembre-se disso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *